Busto Luiz de Camões



 

Luís Vaz de Camões nasceu na cidade portuguesa de Coimbra, por volta de 1525, e faleceu na cidade de Lisboa, em 10 de junho de 1580. Era filho de Simão Vaz de Camões e Ana de Sá e Macedo, uma família de fidalgos decadentes.
Estudou na Universidade de Coimbra e ingressou no Exército da coroa portuguesa, onde serviu como militar no norte da África. Ferido em combate, perdeu o olho direito. Também participou de várias expedições militares na Índia e na China.
Uma das amadas de Camões foi a jovem chinesa Dinamene, que morreu afogada em um naufrágio. Diz a lenda que Camões conseguiu salvar o manuscrito de Os Lusíadas, segurando com uma das mãos e nadando com a outra. Camões escreve vários sonetos lamentando a morte da amada.
 Frequentou a corte lisboeta, tendo permanecido preso durante quase um ano por agressão a um oficial do rei.
Sua obra-prima, Os Lusíadas, uma das obras mais importantes da literatura portuguesa, dedicado ao rei Dom Sebastião, valeu ao poeta uma pensão de 15 mil-réis ao ano. Segundo consta, Camões nunca recebeu esse benefício com regularidade. Morreu na miséria e foi enterrado como indigente.
O busto de Luís Vaz de Camões está situado na praça que também tem se nome, próximo ao hospital Beneficência portuguesa.

Local:
Praça Luiz de Camões, S/N- Centro, Campinas

Sempre Aberto

Categorias
Patrimônio Histórico